Está a entregar um conteúdo personalizado a cada cliente?

Ele chega ao fim do jogo completamente convencido por si? Não? Uma dica: guarde os trunfos para o fim!

Já sabemos que um conteúdo personalizado a cada cliente é uma vantagem enorme para o seu negócio, uma vez que os consumidores dão preferência a serviços tailor-made, como se estivéssemos a falar só para ele. Mas a verdade é que você tem muitos potenciais clientes, por isso pensa: “Mas se eu entregar uma proposta personalizada a cada um, irei perder imenso tempo e, consequentemente, irá diminuir as minhas margens”. E nós dizemos-lhe que tem razão – se entregar todos os seus trunfos logo no início do jogo!
Repare, nem todos os consumidores que entram em contacto consigo são, realmente, os seus potenciais clientes. Há um caminho a percorrer, como um jogo de tabuleiro em que tem o início, o meio e o fim! Um consumidor que comece a partida terá que ser trabalhado e nutrido para começar a perceber o seu valor e continuar o jogo com vontade de passar a meta, ou seja, para adquirir o seu produto ou serviço. Ou, caso contrário, o cliente perceberá a meio do jogo que não é aquilo que pretende e está tudo certo! Vai ter muitos outros que querem o que oferece. No fim, para ser vencedor, tem que conseguir apenas os clientes que já o conhecem e que realmente desejam o que oferece porque vai solucionar a sua dor. Atualmente, já existem ferramentas que o ajudam a construir os melhores conteúdos na jornada do seu cliente.
Para nutrir os seus potenciais clientes ao longo do jogo, o ideal é que lhes envie conteúdos personalizados, porque nem todos vão sentir o mesmo problema. E aqui, você pergunta: “E como é que as empresas entregam produtos personalizados, conseguindo dar resposta a todos e sem perderem controlo nem oportunidades?” Aqui está o trunfo: Automação de Marketing! A automação de processos irá poupar-lhe um temo tremendo e fará com que não perca oportunidades. Para tal, importa referir ainda que deve saber como montar uma proposta comercial, para depois iniciar a automação.
Em suma, o segredo está em construir uma boa jornada do cliente – com início, meio e fim – e fazer o máximo de forma automática, para que o ajude em todas as etapas, com os vários potenciais clientes que lhe vão aparecer. Entregar conteúdo personalizado a cada cliente não tem que ser uma dor de cabeça, por isso, não se esqueça: não perca tempo com clientes que ainda não o conhecem e que ainda não valorizam a sua proposta de valor.
Saiba como pode criar uma Jornada de Cliente de forma Automática.